Books Should Be Free is now
Loyal Books
Free Public Domain Audiobooks & eBook Downloads
Search by: Title, Author or Keyword

Album chulo-gaiato ou collecção de receitas para fazer rir   By:

Book cover

First Page:

ALBUM

CHULO GAIATO

OU

COLLECÇÃO DE RECEITAS PARA FAZER RIR

BRUXELLES TYP. BRUYLANT CRISTOPHE ET C^ie Rue Blaes, 31 1862

A TENTAÇÃO DE SANTO ANTONIO

FANTASIA BURLESCA

«O mundo acabar Penso que vai, Ai ai! ai ai! Vou apitar! Tão rodeado Estou de diabos Com unhas e rabos D'assarapantar! Raios, coriscos, Bombas e traques E mais petiscos A rabiar E a estoirar Em torno de mim! Zás catrapaz! Se Deus piedade Não tem do frade, Grande caurim Me vai pregar Dom Satanaz!»

Todo a tremer, Santo Antonio Assim se poz a gritar Quando o travesso demonio Em pessoa o foi tentar.

Sae do inferno Troça bravia De quantos demos Por lá havia. Em vassouras Vêem montados, Com tesouras E machados Sobraçados; Bem armados D'escupetas, Estes coçam as carécas, Aquelles fazem caretas, Tocando grandes trombetas, Cavaquinhos e rebecas. Vem um tocando fagote, E outro com um chicote Já começa a sacudir O habito empoeirado Do alegre frei Antonio; Mas o frade atomatado Logo se põe a fugir De tão chibante demonio, Correndo conforme póde E gritando todo afflicto: «Aqui d'el rei, quem m'acode! Ó da guarda! Eu apito!»

Dous feios diabos Mui cabelludos, Cornos agudos E longos rabos, Entram na cella Do bom santinho; Vão lhe á panella Que ao lume tinha C'uma gallinha Paio e toucinho, Tiram lhe a tampa, Comem lhe tudo, Deitam lhe trampa; Vão lhe á borracha Que tem o vinho N'um esconderijo; Bebem lhe tudo Deitam lhe mijo. Á tal cambada Não escapa nada Tudo se acha Quebra e estraga Mija e caga.

Uma pequena bonita Tambem lh'entra na caverna Toda lépida e catita, E começa a levantar O ballão, e linda perna Logo se põe a mostrar... «Ai Jesus! diz Santo Antonio Vai te d'aqui ó demonio Não me estejas a tentar...»

«Façam dançar Contradançar Pular Cantar Saltar Esse santinho» Já diz gritando Um diabinho Que está tocando A desgarrada N'um cavaquinho.

Eis toda aquella Endiabrada Troça bravia O bom do Santo, Que já n'um canto Se escondia, Vai buscar. E a tocar N'uma panella Com a tranca Da janella, N'uma banca O faz dançar Pular Saltar Cantar.

Até Plutão, o rei demonio, Quiz assistir á funcção, Pois quer ver se frei Antonio Se livra da tentação; E p'ro que der e vier Comsigo traz a mulher.

O Santo todo encolhido No meio d'aquella canalha Cada vez mais se atrapalha; Um demo mais atrevido, Dá lhe muita bordoada, E outro feito cupido Vem por traz com uma setta E no coração lh'a espéta... A nada se move o frade Modelo de castidade!!

Vendo porém Que fim não tem A seringação Fórma tenção De s'esconder; E mui callado Vai se a metter Dentro da cama; Mas lá recúa Todo espantado Pois uma dama Toda janota, (Ainda que nua, Mesmo em pelóta) Acha deitada Em seu lugar... A concubina Com uns olhinhos Muito espertinhos A scintillar Já o fulmina E quer tentar...

A tal menina É mesmo boa; Se Prosepina É em pessoa!

Santo Antonio atrapalhado Contempla incendiado Aquella erotica scena, E em frente da belleza De coisas que nunca viu... Continue reading book >>




eBook Downloads
ePUB eBook
• iBooks for iPhone and iPad
• Nook
• Sony Reader
Kindle eBook
• Mobi file format for Kindle
Read eBook
• Load eBook in browser
Text File eBook
• Computers
• Windows
• Mac

Review this book



Popular Genres
More Genres
Languages
Paid Books