Books Should Be Free is now
Loyal Books
Free Public Domain Audiobooks & eBook Downloads
Search by: Title, Author or Keyword

A Invenção do Dia Claro   By: (1893-1970)

Book cover

First Page:

OLISIPO

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

[Nota do Transcritor: Aqui surge a assinatura do autor.]

A INVENÇÃO DO DIA CLARO

Escripta de uma só maneira para todas as espécies de orgulho, seguida das démarches para a Invenção e acompanhada das confidencias mais intimas e geraes.

Ensaios para a iniciação de portuguezes na revelação da pintura

Com um retrato do autor por elle proprio

primeiro milhar

LISBÔA "OLISIPO", APARTADO 145

1921

NOUS SAVONS DONNER NOTRE VIE TOUTE ENTIÉRE TOUS LES JOURS. BÉNNISSONS LA VIE! SALUONS LA NAISSANCE DU TRAVAIL NOUVEAU. LE MONDE N'A PAS D'ÂGES, L'HUMANITÉ SE DÉPLACE TOUT SIMPLEMENT. JE NE SUIS PAS PRISONNIER DE MA RAISON. DIEU FAIT MA FORCE ET JE LOUE DIEU. SPLENDEURS DES VILLES. POINT DE CANTIQUE TENIR TOUJOURS LE PAS GAGNÉ.

Rimbaud

[Nota do Transcritor: Aqui surge o retrato do autor por ele próprio.]

AO

MEU AMIGO

FERNANDO AMADO

O LIVRO

Entrei numa livraria. Puz me a contar os livros que ha para ler e os anos que terei de vida. Não chegam, não duro nem para metade da livraria.

Deve certamente haver outras maneiras de se salvar uma pessoa, senão estou perdido.

No entanto, as pessoas que entravam na livraria estavam todas muito bem vestidas de quem precisa salvar se.

Comprei um livro de filosofia. Filosofia é a sciencia que trata da vida; era justamente do que eu necessitava pôr sciencia na minha vida.

Li o livro de filosofia, não ganhei nada, Mãe! não ganhei nada.

Disseram me que era necessario estar já iniciado, ora eu só tenho uma iniciação, é esta de ter sido posto neste mundo á imagem e semelhança de Deus. Não basta?

Imaginava eu que havía tratados da vida das pessoas, como ha tratados da vida das plantas, com tudo tão bem explicado, assim parecidos com o tratamento que ha para os animaes domesticos, não é? Como os cavalos tão bem feitos que ha!

Imaginava eu que havia um livro para as pessoas, como ha hostias para cuidar da febre. Um livro com tanta certeza como uma hostia. Um livro pequenino, com duas paginas, como uma hostia. Um livro que dissesse tudo, claro e depressa, como um cartaz, com a morada e o dia.

Não achas, Mãe? Por exemplo. Ha um cão vadio, sujo e com fome, cuida se deste cão e ele deixa de ser vadio, deixa de estar sujo e deixa de ter fome. Até as crianças já lhe fazem festas.

Cuidaram do cão porque o cão não sabe cuidar de si não saber cuidar de si é ser cão.

Ora eu não queria que cuidassem de mim, mas gostava que me ajudassem, para eu não estar assim, para que fosse eu o dono de mim, para que os que me vissem dissessem: Que bem que aquele soube cuidar de si!

Eu queria que os outros dissessem de mim: Olha um homem! Como se diz: Olha um cão! quando passa um cão; como se diz: olha uma arvore! quando ha uma arvore. Assim, inteiro, sem adjectivos, só de uma peça: Um homem!

Mas eu andei a procurar por todas as vidas uma para copiar e nenhuma era para copiar.

Como o livro, as pessoas tinham principio, meio e fim. A principio o livro chamava me, no meio o livro deu me a mão, no fim fiquei com a mão suada do livro de me ter estendido a mão.

Talvez que nos outros livros... mas os titulos dos livros são como os nomes das pessoas não quere dizer nada, é só para não se confundir...

Na montra estava um livro chamado «O lial conselheiro». Escrito antigamente por um Rei dos Portuguezes! Escrito de uma só maneira para todas as especies de seus vassalos!

Bemdito homem que foi na verdade Rei! O Mestre que quere que eu seja Mestre!

Eu acho que todos os livros deviam chamar se assim: «O lial conselheiro»! Não achas, Mãe?

O Mestre escreveu o que sabia por isso ele foi Mestre... Continue reading book >>




eBook Downloads
ePUB eBook
• iBooks for iPhone and iPad
• Nook
• Sony Reader
Kindle eBook
• Mobi file format for Kindle
Read eBook
• Load eBook in browser
Text File eBook
• Computers
• Windows
• Mac

Review this book



Popular Genres
More Genres
Languages
Paid Books